Resina de Poliéster Ortoftálica Cristal

19 de Setembro de 2019
Resina de Poliéster Ortoftálica Cristal

Essa é a resina mais usada em vários seguimentos de mercado, como: artigos de presente, decorativos, brindes, bases de luminárias e principalmente no artesanato.

Liquida, transparente, de cheiro forte, mas de fácil manuseio.

Dúvidas mais frequentes

1º) A resina pode ser colorida e manter a transparência?

Sim: usando corantes líquidos, próprios para resina de poliéster.

Existem no mercado corantes de todas as cores e todas são miscíveis, portanto, são infinitas as possibilidades de tons e cores.

Importante fazer sempre um teste de cor, antes da peça ser colorida. Na resina poliéster, as cores sempre escurecem um pouco depois da cura, devido à reações químicas e calor.

2º) A resina pode ser colorida e perder a transparência?

Sim: usando pigmentos em pasta, próprios para resina de poliéster.

Pigmentos são diferentes de corantes: existem pigmentos de todas as cores e todas são miscíveis, portanto, são infinitas as possibilidades de tons e cores.

Importante fazer sempre um teste de cor, antes da peça ser colorida. Na resina poliéster, as cores sempre escurecem um pouco depois da cura, devido à reações químicas e calor

Não é aconselhável colorir a resina com outros produtos, como tintas, pó xadrez etc...

Além de corantes e pigmentos, também existem no mercado pastas peroladas e metalizadas.

3º) Como devo catalisar a resina?

A quantidade de catalisador é sempre proporcional ao volume de resina e pode variar de 0,01% a 2%.

A resina de poliéster cura através de reação química que produz calor, portanto, em dias mais frios, usa-se mais catalisador e em dias mais quentes usa-se menos catalisador.

Outra variação de quantidade de catalisador é o volume de resina que vamos utilizar dentro do molde: quando temos uma grande quantidade de resina dentro de uma só cavidade, ela, por si só, já tem corpo suficiente para formar calor, então, podemos usar menos catalisador.

Quando a quantidade de resina dentro do molde é muito pequena, falta massa para reter o calor e, nesse caso, temos que aumentar a quantidade de catalisador.

EX:

Quanto maior o volume de resina, menor será a quantidade de catalisador.

Quanto menor o volume de resina, maior a quantidade de catalisador.

Se eu pegar um copo com 100 ml de resina poliéster e colocar 2% de catalisador, que é igual a 2 ml, e jogar toda essa resina em uma única cavidade de um molde, o tempo de cura será rápido

Se eu pegar outro copo com as mesmas quantidades de resina e catalisador do 1º exemplo e fracionar essa resina em moldes com pequenas cavidades, o tempo de cura será muito grande e.nesse caso, temos que aumentar a quantidade de catalisador.

4º) Porque a resina fica amarelada?

Normalmente, a resina fica amarela devido ao excesso de calor provocado por muito catalisador.

Quando esquenta muito, queima e, muitas vezes, chega trincar.

5º) Porque a resina fica melando?

Devido à falta de calor ou pouca quantidade de catalisador.

Quando falta calor a resina não tem cura completa e fica melando.

6º) Que tipo de tinta devo usar para pintar peças em resina?

A resina de poliéster aceita vários tipos de tinta. As mais usadas são as acrílicas e automotivas.

7º) O que se deve fazer para as tintas terem mais aderência na resina e não descascarem?

Dar um banho de solvente (thiner) antes de pintar.

8º) O que se deve fazer para a resina ficar fosca?

Usar jato de areia ou verniz fosco.

9º)O que se deve fazer para a resina ficar brilhando?

Polir ou envernizar com qualquer tipo de verniz com alto brilho.

O verniz mais usado é o automotivo.

10º) Como se deve polir a resina?

1º Banho de solvente (thiner).

2º Lixar com lixa d’água gramatura 100, depois 240, 400 e, por último, lixa 600.

3º Puxar o brilho em máquina de polir (politriz) com cera.

11º) O que posso misturar na resina como carga?

Existem vários tipos de cargas (pó) para se misturar na resina e cada uma com finalidades e características diferentes. As mais usadas são: calcita, talco industrial, quartzo e areia.

12º) O que devo fazer para acelerar a cura da resina em peças muito pequenas?

Usar acelerador de cobalto.

ATENÇÃO: coloque 2 ou 3 gotas de cobalto na resina, misture muito bem e depois coloque o catalisador. Nunca coloque os dois produtos juntos.

Fonte: doraresinaesilicone